About Me

My photo

Paulo José da Costa é livreiro e ex-funcionário do Banco do Brasil.   Considera-se um garimpador da memória, procurando nos sótãos e porões as fotos antigas, postais, cartas, diários com que alimenta sua paixão que tem foco no cotidiano.  Pesquisador de história da música e do cinema, postando raridades no youtube.  Mantém enorme acervo de cds, dvds, fitas, vinil, discos de rádio, 16 polegadas, 10 polegadas, compactos e o escambau. Ex-libris, filmes antigos, gravuras, affiches, cartas, jornais antigos, albuns de família, postais, a lista é grande. Sempre procurando mais. Tem quatro blogs e desenvolve projeto de livro sobre o cotidiano paranaense através das fotos de família entre 1870/1960. Mantém arquivo de memória paranaense e catarinense.

09 November 2014

PORTO UNIÃO DA VITÓRIA SOB O OLHAR DE CLARO JANSSON (1912)



                       Esse sueco nascido em 1877 e falecido em Curitiba no ano de 1954 teve a vida de aventuras que eu gostaria de ter tido.  Tirando a parte triste da perda de dois filhos e da primeira esposa na época difícil dos anos 1910 , Claro deve ter feito o que amava fazer, viajar por toda parte e fotografar, fotografar, fotografar...  E como fotografou ! Onde havia uma luta, uma guerra, lá estava ele. Fotografou o Contestado, a revolução de 1924, a de 1930, a Constitucionalista de 1932... E nos tempos de paz fotografava as paisagens, as cidades, o povo, o comércio,os costumes, as festas, as máquinas, as atividades, registrando com seu olho privilegiado os costumes, a arquitetura, as atividades comerciais, de sorte que suas fotos são saborosos retratos históricos e antropológicos.   Por muita sorte teve um filho que cuidou com enorme carinho do acervo, o que possibilitou ter atravessado os anos a salvo e chegar aos nossos dias. Um  livro formidável foi editado por Vito d'Alessio, contando sua vida e mostrando um pouco de suas fotografias.  Hoje Claro Gustavo Jansson é até verbete da wikipédia e muitas das suas fotos que faziam parte de livros sobre os acontecimentos históricos estão sendo identificadas e os créditos leh sendo concedidos. É a melhor forma de se fazer justiça a alguém que tanto fez pela memória das cidades por onde andou  e das gentes que conheceu.
                       Claro Gustavo Jansson esteve diversas vezes em Porto União da Victoria. Estas fotos são de 1912, quando a cidade ainda tinha os dois lados do rio como território paranaense.  Com o acordo de limites do Contestado, em 1916, a fronteira delimitada passou a ser exatamente no Rio Iguaçu, dividindo a cidade em duas partes, uma catarinense e outra paranaense.  Porto União da Victória passou a ser paranaense, de um lado, mudando de nome para União da Vitória e catarinense do outro, tornando-se Porto União. Essas fotos são do tempo em que eram uma só urbe, uma só comunidade.
                       A fotos falam por si só e o olhar do fotógrafo está o tempo todo presente mas não vou jamais me cansar de frisar que possivelmente são as mais belas fotos tiradas daquele aprazível e tranquilo lugar.  


Fotos gentilmente cedidas pela família.     
Autorizo o uso das imagens mediante a citação expressa deste blog bem como da autoria das fotos de Claro Jansson.


AS VISTAS PANORÂMICAS

  ponte ferroviária sobre o Rio Iguaçu - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

linda e rara vista da ponte no momento da passagem de um trem - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

pedestres sobre a ponte Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

mulas cruzando o Rio Iguaçu - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson 

panorama do Iguaçu durante a cheia - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson


belissimo panorama de Porto União da Victória, em 1912.   foto de Claro Jansson 

outro panorama da ponte e de Porto União da Victória em 1912 - fotografia de Claro Jansson

rebanho cruzando o rio - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

o trem cruzando a ponte sobre o Rio Iguaçu.  Ao fundo, Porto União da Victoria   - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

o lindo vale do Iguaçu - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

a então tranquila Porto União da Victoria  - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Victoria às margens do Iguaçu - fotografia de Claso Jansson

não poderia haver vida mais sossegada - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

o armazem estrategicamente colocado na esquina - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

belissima foto, digna de cartão postal - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

o casario de madeira  - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

vista da cidade  - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

VIDA COTIDIANA



o povo se diverte numa corrida a cavalo. Parece que foi um costume introduzido pelos comerciantes de origem árabe

o cemitério - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Gruta do Morro do Cristo - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Gruta do Morro do Cristo - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

abóbora não faltava, e olha só que tamanho ! - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

três elegantes senhoras...  Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson



a moda européia e as moças da sociedade local... Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson


a moça do meio é Helena, filha de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

alimentando os pintinhos


foto no estúdio do fotógrafo


curiosa foto em que um fotógrafo fotografa outro profissional, no caso um lambe-lambe

o Presidente dos EUA, Theodore Roosevelt, em visita ao Brasil, em Porto União da Victória. foto de claro Jansson

 o Cel Amazonas Marcondes recepcionando políticos - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

impressiona a magreza desse gado... embarque nos trens da São Paulo-Rio Grande - fotyo de Claro Jansson

boi atravessando o Iguaçu  - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

rebanho atravessando o rio - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

vaqueiros de rio... - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

linda cena de vaqueiros conduzindo o gado pelo rio - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

atravessando o rio  - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

cavalos e bois, juntos, cruzando o rio - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson



familia de Claro Jansson - Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson




SÉRIE DE PANORÂMICAS EM TAMANHO MENOR



Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

Porto União da Vitória 1912 - fotografia de Claro Jansson

PERMITIDO O USO DAS IMAGENS MEDIANTE CITAÇÃO DESTE BLOG BEM COMO DA AUTORIA DE CLARO JANSSON.


Informações adicionais que enriqueçam a postagem serão muito bem vindas. 


Paulo José da Costa
compra e recebe doações de acervos de postais e fotos antigas, inclusive álbuns de família
para arquivo particular
Proteja a memória, ensine as crianças a amar as fotografias. 
41 88050624
paulodafigaro@hotmail.com
https://www.facebook.com/paulojose.dacosta

3 comments:

  1. Fabulosas fotos de uma época tão distante. Parabéns.

    ReplyDelete
  2. Olá,

    Gostaria de saber como faço para adquirir uma réplica em alta resolução para impressão, quero presentear meu pai que é nascido na Lança/Porto União com uma bela imagem da sua terra natal.

    Se puder entrar em contato o mais breve agradeço,
    giombuch@gmail.com

    Obrigada,
    Giovana Buch

    ReplyDelete
  3. Acredito que a foto titulada como vista da cidade (acima do texto vida cotidiana ) não seja de Porto união da vitoria

    ReplyDelete

seu comentário está em análise. Em breve será postado.